Film lovers will love this

A União Europeia criou o seu próprio canal no YouTube , com o objectivo de lançar diversas campanhas em vídeo.

A última, a qual está a dar maior polémica, é a promoção do cinema europeu. Foram criados alguns vídeos promocionais com abordagens diferentes: um apenas com imagens de riso e felicidade (Alegria), outro só com imagens tristes (Tristeza) e outro só com imagens sobre o amor, mas com claras conotações sexuais (Amizade e Amor). E é por este último, por causa de um vídeo de 44 segundos, que a polémica se instalou.

Porém, a polémica instalou-se por causa da publicação de uma notícia no jornal "Sunday Times " a 1 de Julho, em que comparava Paris Hilton ao cinema europeu. A comparação foi de muito mau gosto por parte deste meio de comunicação social: com um vídeo na net, Paris Hilton conquistara a sua "fama"; pela mesma via, a União Europeia estaria coberta de "ridículo". Ora sendo que aquela senhora do "jet set" internacional nada fez para merecer (a não ser o vídeo pólémico de cenas de sexo com antigo namorado...) tanta atenção dos meios de comunicação social , ao contário do cinema europeu, que se encontra altamente bem cotado nos principais festivais internacionais de cinema, é de estranhar. Sim, porque as cenas de sexo que o vídeo mostra provêm de sete grandes fenómenos do cinema europeu, incluindo Ondas de Paixão, de Lars von Trier, O Fabuloso Destino de Amélie, de Jean-Pierre Jeunet, e Os Sonhadores, de Bernardo Bertolucci.

 

Alegria (What a joy)

 

Tristeza (Tapping into the talent)

 

 

Amizade e Amor (Film lovers wil love this) 

NOTA: A campanha está inserida num programa de revalorização do património cultural europeu e é pública desde Fevereiro, altura em que foi apresentada (aliás com grande reconhecimento público) no Festival de Berlim.

publicado por dina às 23:53 | comentar | favorito