RTPN acusa a ZON de querer destruir o canal

A RTPN considera-se "altamente" prejudicada com as alterações que a Zon TV Cabo introduziu na programação e com a saída do canal do pacote básico da operadora. A Zon afirmou que defendeu o "interesse" dos clientes".

O director de programas da RTPN, José Alberto Lemos, não esconde a sua indignação e afirma tratar-se de uma "situação escandalosa" e que a Zon TV Cabo "está a destruir o canal".

Entre outras alterações, a operadora "retirou a RTPN do pacote "selecção", ou seja, o mais barato". "Não se consegue entender. Saímos nós e entrou a TVI24.

O problema é que nos 23 canais daquele pacote estão dois de testes, um de televendas, um de programação e a RTP Memória e RTP África, que têm shares inferiores ao nosso", destacou José Alberto Lemos.

O responsável da RTPN, que desconhece quantos lares têm o pacote "selecção", mostrou-se convicto de que "a crise económica levará muitos clientes a optar por aquela solução e não poderão ver a RTPN".

A Zon TV Cabo, por outro lado, alterou a frequência da RTPN e trocou a sua posição na grelha de canais. "Alegando razões técnicas, mudaram as frequências da RTPN. Não entendo porquê nós, mas acreditemos que se tratou de uma questão técnica.

 

Restante notícia aqui.

publicado por dina às 22:11 | favorito