As empregadas de balcão também têm direito a contar as suas estórias

Não desfazendo o trabalho das empregadas de balcão (eu mesma nem me importava disso, sempre ganhava algum... estou desempregada como muitos portugueses...) relativamente a esta referência, a francesa Anna Sam, de 29 anos, cansada de ser constantemente desrespeitada pelas várias pessoas que atendeu durante os oito anos em que trabalhou num supermercado, criou um blog e passado um tempo, um jornal publicou um artigo sobre a sua situação. Agora transformou o blog num livro e já está a ser publicado em vários países.

 

Toda a história aqui.

publicado por dina às 14:44 | favorito