Regresso de 'Conta-me como foi'

A família dos anos 60 mais famosa da TV está de volta à RTP 1 no dia 4 de Janeiro. Lopes, o patriarca, regressa mais ambicioso e apostado em melhorar o nível de vida da sua prol.
 

'O Lopes, que se mantém na área dos negócios, vai ser aldrabado e passar um mau bocado', anuncia Miguel Guilherme, que interpreta a personagem.

Para o Lopes longe vão os tempos em que era um modesto funcionário público no Ministério das Finanças e fazia umas horas extras numa tipografia. Hoje, que trabalha numa imobiliária, sonha mais alto. 'O Lopes é enganado por causa de uma certa ganância ingénua que se volta contra ele'. Em relação aos miúdos eles estão a crescer. E a emancipação feminina faz-se anunciar', conta Miguel Guilherme à Correio TV.

No tempo de pausa que antecedeu este regresso da terceira série do ‘Conta-me como Foi’, o conhecido actor fez uma participação num filme de Manoel de Oliveira e outra na série da RTP 1 ‘Liberdade 21’. 'É importante ir fazendo outras coisas', comenta. Nesta nova série de ‘Conta-me como Foi’, o elenco é dirigido por Inês Rosado. O novo realizador é Sérgio Graciano, que dirigiu anteriormente a série ‘Liberdade 21’.

 

Fonte: CM

publicado por dina às 16:52 | favorito
sinto-me: contente