5º canal - estreia arranca já em Outubro

O concurso para o quinto canal de televisão generalista em sinal aberto arranca a 21 de Outubro. , confirmou o Gabinete para os Meios de Comunicação Social (GMCS). Amanhã são conhecidos os contributos para o regulamento deste concurso, ao qual apresentaram sugestões seis entidades. "Recebemos respostas da SIC, Portugal Telecom, Zon Multimédia, Controlinveste, Associação dos Produtores Independentes de Televisão e do Instituto do Cinema e Audiovisual", refere fonte do GMCS.

Já conhecidas como interessadas no quinto canal estão as empresas Zon Multimédia, Cofina e Controlinveste (que podem concorrer em consórcio). A Portugal Telecom não comenta os rumores de que pode ser outro forte candidato. "A PT ganhou o concurso para a plataforma gratuita da Televisão Digital Terrestre onde deverá ser emitido o novo canal, como tal tem interesse em conhecer e questionar alguns dos termos do concurso".

Também fonte do GMCS sublinha que o facto de participar no acto de consulta pública "não significa que estas entidades venham apresentar candidaturas".

 

OS CANDIDATOS

ZON MULTIMÉDIA

A empresa liderada por Rodrigo Costa já divulgou publicamente o interesse no quinto canal, que pode vir a ser lançado na TV Cabo (detida pela Zon).

COFINA

Paulo Fernandes, CEO da Cofina (que detém o Correio da Manhã, o Jornal de Negócios e o Record, entre outros títulos), manifestou desde cedo o interesse no quinto canal de televisão em sinal aberto. O grupo Cofina, que tem aqui uma oportunidade para alargar a participação nos media, defende que o mercado publicitário português tem capacidade para aguentar a chegada de uma nova estação concorrente.

CONTROLINVESTE

O grupo presidido por Joaquim Oliveira quer reforçar a sua presença nos media com a participação financeira no quinto canal. AControlinveste já detém vários jornais, sites na internet, a rádio TSF e o canal de TV pago Sport TV.

 

Fonte: Correio da Manhã
 

publicado por dina às 12:33 | favorito
tags: ,