A distorção dos títulos das notícias de revistas e jornais I

Este blog é para fazer críticas e normalmente não são positivas e então para não fugir à regra, aqui vai mais uma...

É certo que não conheço o interior do texto, mas como não sou a única que critica a capa desta semana da revista da Lux, posso fazê-lo também.

 

 

"O ex-jogador só quer saber da filha da actual mulher, Cristina Möhler

 

Paulo Sousa

Não quer saber dos filhos"

 

Antes demais, há que dizer que isto parece mais uma dedução ou algo parecido da revista do que propriamente algo que o ex-futebolista tenha dito (talvez dê o benefício da dúvida, mas com muita relutância). Houve entrevista ao homem? Dificilmente, se não, digo eu, o título da capa seria diferente, incidindo-se numa declaração do Paulo Sousa.

 

A comprovar esta suposição da revista, surge uma questão deveras importante: onde estão os serviços sociais para investigar tal falta de interesse de um pai pelos seus filhos??? Ou só porque é figura pública, pode fazê-lo? Convenhamos, que ele é português e não inglês, como tal não deveria ter tais privilégios...

 

publicado por dina às 19:34 | favorito